BUSCA   Line   Line  
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         
Logo Banco da Família

HOME
Line
QUEM
SOMOS
Line
NOSSOS
PRODUTOS
Line
BLOG
Line
TRABALHE
CONOSCO
Line
ONDE
ESTAMOS
Line
DÚVIDAS
FREQUENTES
Line
FALE
CONOSCO
Line
OUVIDORIA
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         

BLOG

Line

TODAS AS INFORMAÇÕES DO BANCO DA FAMÍLIA EM UM SÓ LUGAR

 
30 de agosto de 2019
Categorias Notícias

Em parceria com a Associação Empresarial de Palhoça, Banco da Família abre primeira operação na Grande Florianópolis

Início dos trabalhos será celebrado em solenidade no dia 9 de setembro, às 17h, na sede da ACIP.

Moradores da região da Grande Florianópolis vão poder contar com serviços do Banco da Família, negócio social que atua no segmento de microfinanças e atende, principalmente, famílias que estão na base da pirâmide. O início dos trabalhos na região será celebrado no dia 9 de setembro, em uma solenidade na unidade localizada nas dependências da Associação Empresarial de Palhoça. O evento, marcado para 17h, terá a presença de autoridades e convidados, além da presidente e fundadora da instituição, Isabel Baggio.

“Estamos muito entusiasmados com esta parceria que irá ampliar a atuação do Banco da Família e atender clientes numa região com grande potencial”, disse.

O Presidente da ACIP, Ivan Cadore, demonstra otimismo pelo projeto. “Temos localidades aqui no município com carência de oportunidades de pequenos negócios e a chance dada pelo Banco da Família supre uma lacuna através do microcrédito que as instituições financeiras tradicionais não conseguem atender.? O componente social e de acesso à cidadania faz toda a diferença, pelos cases apresentados”.

Considerado pela MicroRate como a melhor instituição de microfinanças da América Latina, O Banco da Família surgiu em Lages, em 1998, e em duas décadas alcançou 110 municípios da Região Sul. Entre os 12 tipos de empréstimos disponibilizados para famílias que não possuem acesso facilitado ao sistema financeiro tradicional, destacam-se as linhas de crédito para empreender, reformar, pagar tratamento de saúde e a destinada para construção de casas de madeira.

Por se tratar de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), o Banco da Família tem como princípio reinvestir os recursos de novos clientes na ampliação da rede. Este ano, a expectativa da instituição é crescer 34% no número de cidades em relação à 2018. A meta para a Grande Florianópolis é alcançar 120 clientes em 12 meses de operação, chegando a R$ 600 mil em financiamentos.

Sobre o Banco da Família

Com mais de 20 anos de atuação, o Banco da Família é considerada a maior operadora de microfinanças do sul do país, com mais de 20 mil clientes ativos, espalhados por 110 municípios dos estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná. A Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) é um negócio social e já concedeu mais de R$ 804 milhões em crédito, em cerca de 296 mil operações. Segundo levantamentos da MicroRate, empresa especializada em avaliação de desempenho e risco, o Banco da Família está classificado como a melhor instituição de microfinanças da América Latina e maior geradora de impacto social do Brasil.

Por: AllPress Comunicação

Fonte:  Revista Business