BUSCA   Line   Line  
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         
Logo Banco da Família

HOME
Line
QUEM
SOMOS
Line
NOSSOS
PRODUTOS
Line
BLOG
Line
TRABALHE
CONOSCO
Line
ONDE
ESTAMOS
Line
2ª via dos
boletos
Line
DÚVIDAS
FREQUENTES
Line
FALE
CONOSCO
Line
OUVIDORIA
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         

BLOG

Line

TODAS AS INFORMAÇÕES DO BANCO DA FAMÍLIA EM UM SÓ LUGAR

 
16 de setembro de 2020
Categorias Dicas BF

Como o pequeno empreendedor pode entrar na economia digital?

Os negócios digitais crescem cada vez mais, então, é fundamental saber como entrar neste meio.

Nos dias de hoje, qualquer empreendedor que quer começar um negócio deve pensar na parte digital do projeto. Com o mundo todo conectado, não dá para pensar apenas em um negócio físico ou de um vendedor batendo de porta em porta tentando empurrar um produto para o cliente. Ele deve pensar em maneiras de entrar na economia digital. 

Não tem como fugir dessa realidade. Nem os mais conservadores. Um estudo feito pela Oxford Economics em 2017 apontou que em 2016 a economia digital do mundo representava 15,5% do PIB global, podendo chegar a 24,3% em 2025.

Para entrar nesse mundo, ter sucesso e conseguir alavancar seu negócio digitalmente, é preciso adotar algumas estratégias. Como pequeno empreendedor, isso é ainda mais importante, já que o investimento não é tão grande. 

Foram selecionadas algumas estratégias para empreendedores em início de carreira darem seus primeiros passos na economia digital. Conseguindo executar todas elas, as chances do negócio obter sucesso serão maiores em comparação aos seus concorrentes. 

Redes Sociais 

A maior parte dos consumidores, atualmente, estão nas redes sociais. Facebook, Instagram, Twitter, Tiktok e muitos outros. É possível afirmar que esse é um dos melhores lugares para vender e anunciar produtos. 

Para os pequenos empreendedores, é fundamental saber qual rede social o seu público-alvo mais usa e como se comunicar com ele nessa plataforma. Se ele usa o Facebook ou Instagram, por exemplo, saiba que será fundamental trabalhar bem com imagens e um conteúdo personalizado nos stories. 

Dê uma atenção especial ao aplicativo de mensagens WhatsApp, 98% dos usuários brasileiros de smartphones usam esta ferramenta diariamente e ela tornou-se um canal de relacionamento poderoso, inclusive para os negócios, e em breve deve ser um canal de pagamentos online também.

Fazendo bem essa comunicação, será possível atrair clientes de diversas regiões diferentes do Brasil e aumentar a sua clientela.

Curso de Gestão Digital 

Administrar um negócio virtual é diferente de uma loja física. Cada uma delas tem suas particularidades. Com mais conhecimento, a probabilidade de cometer erros é bem menor. E para um pequeno empreendedor, um deslize pode ser fatal.

Atualmente, não é necessário pagar uma fortuna por cursos em grandes instituições. Há muitas opções de cursos de gestão de negócios que são gratuitos, e é possível fazer pela internet e sem sair de casa. É conhecimento barato e confortável. 

Aprenda a precificar o seu produto, fazer um controle de estoque e montar a melhor estratégia financeiro para o seu negócio. 

Escolha de Softwares 

Essa é uma das bases da economia digital. Eles serão fundamentais para tratamento de dados, hospedagem, organização de tarefas e muitas outras atividades relacionadas. 

Muitos desses programas são gratuitos e serão muito importantes para o crescimento da empresa no meio digital. 

Um exemplo de software que pode ser um dos melhores amigos nos seus negócios é o QuickBooks, que permite fazer o controle de caixa, relatórios, controlar histórico e outras funções de forma intuitiva. Além de facilitar o trabalho, será fundamental para a otimização de tempo. 

Equipe Qualificada 

Um projeto não sai do papel com o trabalho de apenas uma pessoa. Mesmo o negócio começando pequeno. O empreendedor deve se qualificar e se cercar de uma equipe qualificada e que conheça economia digital tanto quanto você. 

Com mais cabeças envolvidas no projeto e todas elas tendo conhecimento, será mais fácil o projeto se desenvolver.