BUSCA   Line   Line  
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         
Logo Banco da Família

HOME
Line
QUEM
SOMOS
Line
NOSSOS
PRODUTOS
Line
BLOG
Line
TRABALHE
CONOSCO
Line
ONDE
ESTAMOS
Line
DÚVIDAS
FREQUENTES
Line
FALE
CONOSCO
Line
OUVIDORIA
Icon Facebook Icon Twitter Icon Linkedin Icon Instagram Icon Youtube
Idioma:         

BLOG

Line

TODAS AS INFORMAÇÕES DO BANCO DA FAMÍLIA EM UM SÓ LUGAR

 
24 de julho de 2019
Categorias Notícias

Urupema e Banco da Família firmam parceria de R$ 1,4 milhão para reduzir déficit habitacional

A Prefeitura de Urupema e o Banco da Família lançaram esta semana o programa “Urupema, Bem Morar”, com o objetivo de reduzir o déficit habitacional da cidade da Serra Catarinense. Com valor de R$ 1,4 milhão, o contrato com vigência até 2020 pretende tornar mais acessível a famílias de baixa renda o financiamento para reformar ou construir a casa própria.

O acordo destina R$ 840 mil (60%) para a construção de residências de madeira que tenham 42 metros quadrados de área e valor máximo de R$ 18 mil. Para reforma, serão reservados R$ 560 mil (40%) para obras que custem até R$ 9 mil. Em ambos os casos, 25% poderá ser usado para pagamento de mão de obra.

Assinado pelo prefeito Evandro Frigo Pereira e a presidente do Banco da Família, Isabel Baggio, o contrato estabelece que o município responda por até 16,6% do valor financiado, nos casos em que o tomador do empréstimo pagar em dia. De acordo com a regra, a cada 5 parcelas quitadas no prazo, a prefeitura vai arcar com a parcela seguinte.

Para ter acesso ao programa, a família precisa ter renda total de até R$ 2.600,00, cadastro na Secretaria de Assistência Social e Habitação do Município de Urupema, além de escritura pública do terreno.

Fotos: Marleno Muniz